Grupos de notícias



Anápolis tem o primeiro dia sem mortes por covid-19 em três semanas e vê taxa de ocupação de leitos despencar



O boletim epidemiológico desta quinta-feira (19) foi o primeiro em quase três semanas sem registro de mortes por covid-19 em Anápolis. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), não houve a confirmação de nenhum óbito nas últimas 24 horas. A última vez que o informe não noticia vítimas fatais foi em 31 de julho.

Os dados são flexíveis e pode ser que a data tenha tido mortes cuja causa ainda não foi confirmada como covid-19. No caso de 31 de julho, por exemplo, houve oito vítimas fatais confirmadas em dias posteriores.

Caso nenhum óbito seja notificado para 19 de agosto nos próximos dias, será o primeiro dia sem óbitos causados pelo coronavírus na cidade desde 22 de junho. A covid-19 já tirou a vida de 1.570 anapolinos.

O número de casos, em contrapartida, mantém-se numa estabilidade elevada. Foram 186 confirmados nas últimas 24 horas. O município tem 51.028 ao todo, dos quais 48.921 estão curados.

Caso nenhum óbito seja notificado para 19 de agosto nos próximos dias, será o primeiro dia sem óbitos causados pelo coronavírus na cidade desde 22 de junho. A covid-19 já tirou a vida de 1.570 anapolinos.

O número de casos, em contrapartida, mantém-se numa estabilidade elevada. Foram 186 confirmados nas últimas 24 horas. O município tem 51.028 ao todo, dos quais 48.921 estão curados.

O reflexo da vacinação não aparece apenas na redução dos óbitos, mas também nas hospitalizações. Os leitos para covid-19 na rede municipal, que chegaram a lotar no auge da segunda onda, hoje têm 32% de ocupação nas UTIs e somente 13% nas enfermarias. Os índices são semelhantes aos que o sistema registrava em novembro, no período mais brando da epidemia. Atualmente, porém, há mais leitos na rede que naquele momento.

Por Diário de Goiás