Adolescente de 16 anos, grávida e com criança de colo, apreendida com drogas em Anápolis

Equipe de FORÇA TÁTICA – 3ºCRPM/ANÁPOLIS no início da noite de segunda-feira, 22/07/19, durante patrulhamento, pela Avenida Engenheiro Portela, Vila Nossa Sra d’Abadia, suspeitou da atitude de uma jovem que transitava dentro de um VW Fox, cor azul, com um bebê de colo e demonstrou nervosismo ao visualizar a viatura.

Foi feito acompanhamento e o motorista parecia não ter exatidão de endereço, quando seguiram em direção ao Centro e parou no Terminal de transporte coletivo. A equipe apanhou à distância quando a adolescente desceu do carro, que tratava-se de motorista de aplicativo, foi em direção ao banheiro do terminal e tirou dois pacotes envoltos em plástico preto e iria entregar para um terceiro indivíduo, sem êxito, que fugiu no meio do povo, com a aproximação da equipe.

Ao proceder a abordagem a menor de 16 anos, que estava com o bebê de colo, foi feita busca, sendo que ela tentou disfarçar colocando os envólucros dentro da bolsa de bebê que trazia consigo, e durante vistoria nos pertences da adolescente, as porções de aproximadamente 25g de maconha cada, foram apreendidas.

Questionada sobre a origem da substância, ela informou que o pai da bebê, Vinícius Martins Medrado, 23 anos, foi preso há cerca de um mês e que ela estaria dando continuidade ao “comércio de entorpecentes”. Que ela está grávida de 5 meses, que teria mais da mesma substância na casa onde ela estava morando temporariamente, no Residencial Harmonia.

A equipe deslocou até o local informado, na Rua Luís de Godoi, no Residencial Harmonia e localizou no quarto do casal, dentro o guarda roupa da bebê, outras duas porções de maconha, de aproximadamente 25g cada, dentro de uma luvinha de bebê vinte pedras de crack e dentro de um baú foi localizado meia peça de maconha, pesando cerca de meio quilo, além de R$ 214,00 dinheiro e uma balança de precisão.

Encaminhada a Central de Flagrantes, o Conselho Tutelar foi acionado e a menor responderá por ato infracional de tráfico de drogas.

Qual seu comentário a respeito disso?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *