Em Anápolis, Polícia Civil prende foragida da justiça que tentava levar uma vida normal

Na tarde de ontem, 17/10, policiais do GIH, GENARC e GEPATRI efetuaram a prisão de uma mulher de 34 anos foragida do Estado de Tocantins.

A captura se deu no setor Arco Verde, local onde ela levava uma vida normal, tendo nclusive inaugurado um estabelecimento comercial. Contra ela pesava um mandado de prisão expedido pela Segunda Vara Criminal da comarca de Araguaína/TO no ano de 2018, decorrente de condenação definitiva a 14 anos de prisao pela prática dos crimes de tentativa de homicídio, lesão corporal grave e aborto.

Ela se encontra recolhida no presídio local, à disposição da justiça.

Qual seu comentário a respeito disso?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *