Mesmo com o apoio de 6 mil torcedores, Vôlei Anápolis perde e se complica nas semifinais

Eles voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira na cidade de Blumenau-SC e basta aos donos da casa mais uma vitória para garantirem vaga na grande final e também o acesso para a Superliga A, o Anápolis Vôlei precisa vencer para forçar o jogo de desempate

O Anápolis Vôlei-GO recebeu a APAN Blumenau-SC no ginásio Newton de Faria lotado, foram 6.683 pessoas, em partida que abriu a fase semifinal da Superliga B. Da mesma maneira que aconteceu ainda na fase classificatória o time catarinense venceu novamente pelo placar de três sets a um, com parciais de 18×25, 25×16, 20×25 e 23×25 em quase duas horas de jogo.

No 1º set os donos da casa dominaram apenas até o placar de 5×4 e com um side out muito bom a APAN fechou em 25×18 em 25’44”. No 2º set a postura do Anápolis mudou e com um bloqueio muito eficiente acabou vencendo de forma tranqüila por 25×16 em 24’57” de jogo.

Para o 3º set a APAN voltou a dominar num jogo com bons rallys e que terminou em 25×20. No 4º set, com a obrigação de vencer para forçar o tie-break, o Anápolis esteve sempre atrás do placar tendo muitos erros de recepção e acabou derrotado por 25×23 em exatos 35’ de partida.

Após a derrota o técnico do Anápolis, Ricardo Picinin, destacou: “Nossa equipe precisa agredir mais no ataque, o time deles nos colocou para jogar o tempo todo, nós sabíamos disso e não conseguimos nos impor. Nosso sideout não sobressaiu, o passe não foi bom embora eles optassem pelo saque flutuante. Sabemos que o tempo é pouco, mas vamos reverter em Blumenau, nossa equipe é experiente e basta apenas postura mais agressiva.”

Já o técnico André Donegá, do Blumenau, ressaltou: “Tecnicamente o jogo teve melhor padrão que na fase classificatória, com a equipe de Anápolis apostando em outra proposta de jogo. No 2º set anularam nossas bolas de velocidade, mas crescemos em fundamentos como o passe, que foi quase perfeito. Complementando isso nossa defesa e o jogo coletivo foram fundamentais para a vitória. Temos a vantagem, mas nada está decidido ainda.”

Eles voltam a se enfrentar na próxima quinta-feira na cidade de Blumenau-SC e basta aos donos da casa mais uma vitória para garantirem vaga na grande final e também o acesso para a Superliga A. Já o Anápolis tem de vencer para seguir vivo e tentar forçar o jogo desempate que, se necessário, acontece também em Blumenau no próximo sábado.

Qual seu comentário a respeito disso?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *