Prefeitura de Anápolis suspende, consultas, cirurgias eletivas e exames na rede privada e pública

O município decidiu suspender os atendimentos eletivos na rede de saúde. A decisão, que alcança a rede pública e privada, consta do Diário Oficial Municipal e está em consonância com decreto publicado pelo governo do Estado de Goiás, na segunda-feira, 23, que também suspende os procedimentos em todo o território goiano.

Não sofrerão interrupções:

– Terapia renal substitutiva (hemodiálise ou diálise peritoneal);
– Hematologia e hemoterapia;
– Oncologia;
– Cardiologia intervencionista;
– Neurocirurgia;
– Programa IST/AIDS;
– Tratamento e acompanhamento de tuberculose e hanseníase;
– Pré-natal habitual e de alto risco;
– Clínicas de vacinação;
– Serviços de ultrassonografia obstétrica;
– Ultrassonografia transvaginal para gestantes;
– Laboratórios de análises clínicas, desde que não haja aglomerações de pessoas.

O documento resguarda a integralidade do atendimento ao paciente oncológico e renal crônico em todos os níveis de assistência. E esclarece que os exames executados referentes à cardiologia estão restritos aos de Alta Complexidade.

Assim como no decreto estadual, o município também cita a priorização do teleatendimento/telemedicina e as orientações domiciliares, preferencialmente remotas. A Prefeitura já implantou este tipo de atendimento há uma semana, por meio do ZAP da Prefeitura, que abriu um canal exclusivo de atendimento sobre coronavírus. A medida foi elogiada pela médica cardiologista Ludhmila Hajjar, referência nacional em tratamento intensivo, fazendo com que a cidade seja modelo piloto no Estado de Goiás para atendimento de pacientes com sintomas da doença.

Outra informação publicada foi sobre os profissionais das unidades estaduais de saúde que tiverem seus atendimentos eletivos suspensos. Conforme a necessidade da gestão, eles serão realocados em outras áreas assistenciais a fim de apoiar as ações relacionadas à contenção da pandemia.

“Estamos avaliando, diariamente, as medidas para conter o avanço do coronavírus na cidade, em parceria com o governo estadual e, principalmente, de acordo com as orientações da Organização Mundial da Saúde”, pondera o prefeito Roberto Naves.

2 comentários em “Prefeitura de Anápolis suspende, consultas, cirurgias eletivas e exames na rede privada e pública

  • 1 de abril de 2020 em 13:39
    Permalink

    Bia tarde sou da area de risco e estou com uma crise alérgica e bronquite o que devo fazer

  • 1 de abril de 2020 em 13:41
    Permalink

    Prwciso de infirmacoes como faço

Qual seu comentário a respeito disso?

O seu endereço de e-mail não será publicado.