Caiado sanciona lei que desobriga os goianos de vacinarem contra a Covid-19

O governador Ronaldo Caiado (DEM) sancionou o projeto de lei aprovado em dezembro pela Assembleia Legislativa do Estado de Goiás que dá aos residentes em Goiás o direito de recusar a vacinação contra a Covid-19.

A proposta apresentada pelo deputado estadual Humberto Teófilo (PSL) trata do “direito de não se submeter de forma compulsória à vacinação” e foi publicada em suplemento da edição do dia 12 de janeiro do Diário Oficial do Estado.

A decisão de Caiado foi tomada com base no argumento de que o Supremo Tribunal Federal (STF), ao decidir que a vacinação compulsória é constitucional, entendeu que mesma não pode ser “forçada”. Conforme a tese acatada pelo democrata, os goianos podem recusar-se a receber a vacina mesmo diante do entendimento da Corte.

O governador vetou, no entanto, artigo que previa a manutenção de “sistema para cadastro” das pessoas que não querem se vacinar.

Jornal do Valle

Por: Redacao, em 13 de janeiro de 2021

Qual seu comentário a respeito disso?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *