Grupos de notícias

Caged aponta saldo positivo na geração de empregos em Anápolis



Anápolis é uma das cidades que mais crescem no Estado e que tem registrado aumento significativo nos índices de empregabilidade. Apenas em julho deste ano, 144 novas vagas de trabalho foram criadas, um avanço importante, tendo em vista que no mesmo período do ano passado, 197 postos foram fechados. “Seguimos na contramão de muitos municípios brasileiros, que ainda tentam driblar, sem muito êxito, a crise econômica”, avalia o prefeito Roberto Naves. O destaque no último levantamento do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado esta semana, foi para os setores de serviços e da indústria de transformação, onde foram abertos 134 e 104 vagas de trabalho, respectivamente. E se o cenário for ampliado, Anápolis também apresenta resultado positivo. É que, somente nos primeiros setes meses de 2019, o município registrou 1.119 novas vagas – foram 23.368 admissões e 22.249 desligamentos. Para a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho, Emprego e Renda, Eerizania Lobo, a Prefeitura de Anápolis possui papel importante nesse contexto ao intensificar políticas de qualificação profissional, descentralizar a oferta de cursos e viabilizar o acesso da população. “Hoje, nós garantimos a capacitação dos anapolinos de acordo com as exigências do mercado. Foi assim que chegamos ao saldo positivo do Caged”, explica. E ela está certa. Ao longo dos últimos dois anos, 7,3 mil trabalhadores passaram pelos programas de qualificação da Prefeitura. Só de janeiro até agosto de 2019, 2,5 mil pessoas já fizeram os cursos gratuitos de capacitação oferecidos. Mas, até o final deste ano, a meta é preparar mais de 4 mil candidatos para o mercado de trabalho.